Pergunta ao Doutor

O que é nutrologia

Nutrologia

O que é nutrologia?

O Conselho Federal de Medicina (CFM) reconheceu a Nutrologia como especialidade médica no ano de 1978.

Para quem não sabe ou ouviu falar muito pouco sobre essa especialidade, ela tem como fundamento estudar os alimentos e consequentemente seus nutrientes e funções no organismo. Além disso, tem a função de diagnosticar e tratar os possíveis distúrbios alimentares.

Os médicos que escolheram a Nutrologia como especialidade médica, têm como objetivo direto ou indireto garantir da melhor maneira possível a saúde de seu paciente através dos nutrientes. Sua formação permite compreender a fisiopatologia (funções anormais ou patológicas dos vários órgãos e aparelhos do organismo), fazer o diagnóstico, atuar na prevenção, tratamento e reabilitação dos pacientes.

O Conselho Federal de Medicina (CFM) refere segundo um parecer jurídico que o médico está habilitado a prescrever dietas em casos de doenças.

Situações nas quais a atuação do profissional da Nutrologia é indispensável.

Desnutrição/ Obesidade/ Osteoporose / perda da massa magra (sarcopenia) / bulimia e anorexia / Alterações do perfil lipídico (colesterol) / Diabetes / Intolerâncias alimentares (lactose e glúten) / Deficiências de macro e micronutrientes / Intoxicações alimentares / Alterações intestinais (constipação ou diarreias) entre outras centenas de distúrbios.

O nutrólogo deve compor uma equipe multidisciplinar de tratamento nutricional, juntamente com outras especialidades médicas e outros profissionais da área da saúde para dar o melhor suporte possível ao paciente/cliente.

Este trecho a seguir foi retirado da página da Associação Brasileira de Nutrologia e resume bem a essência da proposta da nutrologia:

“Estabelecida a relação entre conhecimento e educação, sabemos que o verbo educar é originário do latim educare e quer dizer ‘extrair de dentro’. Segundo o filósofo Léon Denis, a ‘educação não se constitui em mero estabelecimento de informações, mas, sim, de se trabalhar as potencialidades interiores do ser a fim de que floresçam’. E florescer, em termos de alimentação, é descobrir o prazer de se alimentar saudavelmente”.

nutrologia 03

Algumas pessoas nesse momento devem estar pensando: mas qual é o papel do nutricionista?

Essa será uma resposta para meu próximo post. Um assunto muitas vezes confundido pelos próprios profissionais envolvidos.

De maneira geral já posso adiantar que a especialidade médica na figura do médico complementa o nutricionista e vice- versa. O mais importante nesse contexto é o bem estar do paciente.

Até a próxima semana

Acesse o link: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-42302008000600008

Educador Físico e Fisioterapeuta (METODISTA)
Médico (PUC-CAMPINAS)
Pós Graduado em Fisiologia do exercício e biomecânica (USP-SP)
Pós Graduando em nutrologia (ABRAN)
Residente Medicina Esportiva (USP-SP)
email: walteresportiva@yahoo.com.br
instagram: @walterkantovitz
Post AnteriorPróximo Artigo
Educador Físico e Fisioterapeuta (METODISTA) Médico (PUC-CAMPINAS) Pós Graduado em Fisiologia do exercício e biomecânica (USP-SP) Pós Graduando em nutrologia (ABRAN) Residente Medicina Esportiva (USP-SP) email: walteresportiva@yahoo.com.br instagram: @walterkantovitz