Dicas

Como realizar suas metas em 2014

Geralmente quando chega a época de fim de ano começamos a traçar planos pra mudanças no novo ano que vai entrar. É tudo aquilo que acabamos deixando por fazer no ano que passou.

Mas porque adiamos e temos que esperar o impulso de um ano novo para começarmos a realização?

Eu sempre faço uma pergunta aos meus pacientes antes de começarmos a traçar qualquer meta ou objetivo…

“Você realmente quer isso?” Você realmente quer realizar esse objetivo?”

Se realmente queremos, nós fazemos, por mais doloroso e difícil que seja. Então, antes de traçar suas metas, reflita se é algo verdadeiro, se é um querer real ou se é apenas algo que achamos que devemos, mas no fundo, não queremos.

Depois de respondida essa pergunta, você estará preparado para mudar seus passos e fazer seu máximo para não desistir no meio do caminho. Você estará, de fato, motivado! A motivação aparece sempre em atividades nas quais nos engajamos na busca de um objetivo! Vamos lá! Seus reais desejos atuarão como forças que o levarão a agir e a superar obstáculos!

Mas como traças suas metas?

Neste artigo estamos com foco na saúde, na prática de exercícios físicos, hábitos alimentares  e etc. Por isso usarei exemplos dessa natureza, mas você pode traçar metas para o que quiser na vida.

  • Metas não podem ser soltas no ar, apenas faladas ou mais ou menos formuladas em sua cabeça, sem direcionamento adequado.

É por isso, que muitas vezes, acabamos não realizando-as e nos sentindo frustrados. Uma meta precisa seguir o que chamamos de “princípio SMART”, ou seja, precisa ser específica, mensurável, atraente, realista e temporal!

Vamos dar um exemplo:

Gustavo quer começar a correr e elaborou a seguinte meta seguindo o SMART:

“ Vou correr, no mínimo, 2k por dia, em dias intercalados, na orla da praia do Rio, até dia 15.02.2014.”

Vejam como se trata de uma meta super detalhada, onde ele não tem como fugir porque ela é específica e tem prazo! Porém, é uma meta realista para quem irá começar a correr, Não adiantaria o Gustavo colocar que correria 20k que ele não faria e facilmente desistiria!

Uma boa dica é você começar por atividades ou, no caso de mudança de alimentação, por alimentos que  goste mais, que tenha mais facilidade para se habituar. Dessa forma você acabará fazendo o que se propôs e isso reforçará sua auto eficácia , o senso de que é capaz, e ajudará a motivar-se. Apesar disso, muitos clientes falam que não gostam de nenhum tipo de exercício físico, por exemplo. Isso não é verdade! Você já experimentou as inúmeras possibilidades que existem? Testou? O que lhe parece melhor? Comece por esse!!

Se você realmente quer algo e quer estabelecer meta, a neblina que te impedia e te ajudava a dar desculpas se dissipa e você focaliza suas energias e capacidades em prol daquilo que almeja. Não fique no passado, remoendo que já tentou e não conseguiu ou que detestou isso ou aquilo.

Foque no agora, no passo a passo do dia-a-dia! As coisas mudam quando focamos no presente para atingir algo legal no futuro! E não tenha medo do fracasso ou de começar devagar. O Cesar Cielo não nasceu nadando!! Nós temos a tendência de nos concentrarmos nos empecilhos ao invés de nos resultados que podemos ter! Saia dessa!

Por fim, algumas dicas simples que podem ajudar:

  • Agir por meio de pequenos passos, ficando feliz a cada vez que realizá-los
  • Semanalmente veja o quanto você fez. Tenha um caderninho dos seus passos em direção a meta e vá anotando tudo que realiza. 1 vez por semana leia-o e veja como é bom “continuar na linha”.
  • Cada vez que alcançar uma meta diária, você aumenta sua motivação e vai querer realizá-la mais! Um dia de cada vez… “Hoje eu comi salada e nada frito” ou “Hoje eu fui correr”
  • Nunca deixe de estabelecer prazos! E não se sabote colocando prazos enormes para coisas que você pode fazer sob um tempo de maior pressão. A pressão saudável é fundamental!
  • Procure parceiros que possam servir de motivação. Alguém para treinar com você, faça parte de grupos, o #30tododia cheio de dicas e orientações que não tem como não te motivar e etc.
  • Deixe sua meta escrita em local visível pra você e sempre que se sentir conquistando dia-a-dia, se recompense com coisas boas pra alma como ver um bom filme, dar um mergulho no mar, ligar pra um amigo pra compartilhar, enfim, coisas que te deem sensação de bem estar, nem que seja colar uma carinha feliz ao lado da sua meta.
  • E pra quem já atua com metas e já criou hábitos valiosos na vida, o ideal é sempre colocar um desafio a mais, mantendo seu nível de motivação sempre em alta!
  • Se você é capaz de imaginar uma meta é porque, provavelmente, você tem condições de realizá-la!

Feliz 2014 para todo mundo!

Psicóloga Renata Castro

remncastro@hotmail.com

Marcello Paiva
Idealizador do portal @30tododia
Professor de Educação Física – UFRJ
Pós graduação em Fisiologia do Exercício e Programação Neurolinguística.
Coaching deTreinamento / Palestrante Motivacional
Consultas: 21 2529-6473
Email: marcellopaiva@30tododia.com.br
Post AnteriorPróximo Artigo
Marcello Paiva
Idealizador do portal @30tododia Professor de Educação Física - UFRJ Pós graduação em Fisiologia do Exercício e Programação Neurolinguística. Coaching deTreinamento / Palestrante Motivacional Consultas: 21 2529-6473 Email: marcellopaiva@30tododia.com.br