Dicas

O que você precisa saber antes de pintar os cabelinhos?

Detalhes importantes que você precisa saber antes de pintar os cabelinhos

Já no Outono e você ainda exibindo as mechas do Verão? Caaaaalma! Antes de colorir as madeixas com o último tom-cappuccino- top-sucesso da estação, é bom que você conheça os tipos de tinturas e o que esperar delas.

Assim, você escolhe com mais conhecimento e tem maior chance de ficar feliz com o resultado final. Vamos lá?

Abaixo os tipos de tinturas existentes e suas características.

  • Permanentes:

Tintas com peróxido e amônia. Promovem mudanças significativas de cor. O peróxido será responsável pela reação de oxidação necessária ao processo de coloração e a amônia, por ser alcalina, abrirá as cutículas dos fios para fixação da cor no córtex dos cabelos.

Assim, as pequenas moléculas responsáveis pela coloração penetram totalmente no córtex, onde reagem com os pigmentos naturais dos fios e de onde não podem ser retiradas. O resultado final é a combinação do pigmento natural do seu cabelo e da nova tonalidade escolhida.

Isso significa que a mesma cor pode ter nuances diferentes em cabelos diferentes. Os retoques a cada 4 ou 6 semanas são geralmente necessários para eliminar as “raízes” – a cor natural de seu cabelo que começa a aparecer com o crescimento, cerca de um centímetro por mês.

  • Semi-permanentes:

Tintas com peróxido e sem amônia. Tem maior duração que os tonalizantes, resistindo por cerca de 20 a 25 lavagens. Os corantes semi-permanentes não contêm amônia, isso significa que a fixação no córtex capilar será mínima. Entretanto, a pequena quantidade de peróxido presente torna a coloração mais intensa e duradoura que os tonalizantes.

Atenção: as cores temporárias podem ficar definitivas em cabelos em que as cutículas já foram abertas, como é o caso de cabelos alisados, com permanente ou já coloridos.

  • Temporários:

Tonalizantes sem peróxido e amônia. Os tonalizantes são corantes temporários compostos por moléculas grandes, incapazes de penetrar no córtex dos cabelos.

Depositam-se sobre os fios e são progressivamente retirados durante as lavagens. São de fácil aplicação, relativamente seguros, com baixa capacidade alergênica e pequeno potencial de danos aos fios. São indicados para aquelas pessoas que procuram mudanças sutis, como realçar a cor natural dos cabelos, escurecer sutilmente os fios ou suavizar reflexos previamente realizados.

Não permitem o clareamento dos cabelos. Duram cerca de seis a dez lavagens.

  • Naturais:

Hena, camomila, índigo, sálvia, ruibarbo e alhena. Os corantes naturais são obtidos através do processamento de compostos vegetais.

Sua maior vantagem é a segurança, já que raramente causam danos irreversíveis aos fios ou provocam alergias e dermatites. O uso dos corantes vegetais é limitado entretanto, pela limitação do número de cores e pela ausência de nuances de aspecto natural.

 

 

Coisas que você precisa saber após colorir seus cabelos:

Ao lavar os cabelos use água morna ou fria, que ajuda a fechar as cutículas e mantêm a tinta por mais tempo. Use shampoos e condicionadores especialmente formulados para cabelos tingidos ou coloridos, isso evita cabelos danificados e o aspecto “desbotado”.

Aplique rotineiramente produtos para tratamento intensivo dos fios: cabelos coloridos, em geral, merecem hidratações semanais. Cuidado ao se expor sol, isso inclui atividades físicas ao ar livre: proteja os cabelos com o uso de filtros solares capilares, chapéus ou lenços.

O sol queima, muda a cor e resseca os fios. Depois do banho de mar ou piscina, procure lavar os cabelos com água doce para retirar os excessos de sal e cloro.

Texto: Dra. Vivian Amaral, siga no Instagram @dravividermato

Leia também: O que é, para que serve e como tomar Melatonina?

Dra. Vivian Amaral
Sócia Efetiva da Sociedade Brasileira de Dermatologia
Fellow em Dermatologia Geral com ênfase em Terapia Capilar (Universidade de Miami)
Fellow em Cosmética e Lasers (Miami Mount Sinai Medical Center)
Rua Carlos Góis, 375/412, Leblon
Consultas: (21) 37958679 / 78564272
Urgências: (21) 972769939
www.facebook.com/VivianDermato
www.vivianamaral.com.br
Post AnteriorPróximo Artigo
Dra. Vivian Amaral
Sócia Efetiva da Sociedade Brasileira de Dermatologia Fellow em Dermatologia Geral com ênfase em Terapia Capilar (Universidade de Miami) Fellow em Cosmética e Lasers (Miami Mount Sinai Medical Center) Rua Carlos Góis, 375/412, Leblon Consultas: (21) 37958679 / 78564272 Urgências: (21) 972769939 www.facebook.com/VivianDermato www.vivianamaral.com.br