Dicas, Intolerantes

7 dicas para fazer seu suco verde

Tomar suco verde todos os dias já traz inúmeros benefícios ao corpo

Fique atento a essas dicas para você tirar o máximo de proveito desse líquido mágico!

1 – Rodízio no copo

Busque fazer um rodízio das folhas, frutas, legumes, etc.

O ideal é variar todos os dias, mas como a maioria não tem uma horta de opções sempre à mão busque a cada semana trocar os ingredientes na hora de ir a feirinha.

Por exemplo:

Em uma semana use de folha couve, na outra semana o espinafre, na outra acelga, agrião…

Assim também com as frutas. Cada fruta e legume tem seu próprio nutriente, vitaminas, minerais e para o nosso corpo é sempre bem vinda essa variação!

foto 3

2 – Vegetal aliado

Fique atento aos benefícios de cada vegetal e use como aliado de seus “problemas”!

 

Por exemplo, se você sofre de retenção de líquidos procure usar vegetais diuréticos como o talo de salsão, abacaxi… espremer uma laranja lima ao final do suco.

Intestino preso:

  • Use a laranja com bagaço, mamão… acrescentar chia ao suco também ajuda muito.

Metabolismo lento:

  • usar gengibre no suco (#supertermogênico), acrescentar em vez de água chá de hibisco ou chá verde (naturais), canela.

Procure se informar sobre os vegetais que podem ajudar e procure acrescentar ao suco verde. Sempre de olho nos benefícios desse suco, encontramos depoimentos de melhoras nos sintomas de enxaqueca, cansaço, humor, digestão, TPM, intestino preso…

3 – A melhor hora para tomar o suco

Acho que é quase unânime entre os nutricionistas: nada melhor do que ingeri-lo pela manhã e em jejum.

Tome o suco verde e espere 20 minutinhos para comer. Esse tempo é suficiente para que os nutrientes, fibras e minerais do suco sejam absorvidos. Ai sim você estará preparado para começar o dia.

Mas se você é daqueles que coloca o soneca várias e várias vezes pela manhã, tome em qualquer outro horário. De estômago vazio os nutrientes são melhores absorvidos, mas ele será bem vindo a qualquer hora do dia, ok?!

4 – Gelo X Folha

Pela praticidade e também para não jogar o saquinho de folhas fora (que estragam rápido), muitos optam por bater as folhas com um pouco de água e congelar. Tirei essa dúvida com a minha nutricionista e ela deixou bem claro que dessa forma se perdem alguns nutrientes. Deu a seguinte dica: Compre uma vez por semana os vegetais e só bata e congele quando começarem a amarelar. Assim utilize os gelinhos pelo resto da semana, até chegar o dia da feirinha novamente.

Mas se você demora mais para ir a feira, antes fique com os gelos do que com nada, ok?!

foto 1

5- Orgânicos

Não esqueça de sempre procurar por vegetais orgânicos.

O seu corpo não quer (aiaiai) agrotóxicos entrando no organismo no desjejum!!! Pagar mais caro vale a pena, afinal os benefícios são todos para você.

6 – Alimentação balanceada

Hey, não esqueça que o suco verde não faz milagres sozinho!

De nada adianta você se entupir de sódio, comidas industrializadas, gorduras e esperar que o suco verde te desintoxique no próximo dia e que você se sinta 100%.  O suco verde é um aliado, não ganha a guerra sozinho ok? rsrs

7 – Todo dia ela faz tudo sempre igual…

O começo é difícil sim… Eu era acostumada a acordar e partir para um café da manhã com pão e leite de soja…

A primeira semana foi difícil, mas como tudo na vida… é uma questão de hábito!

Agora amo o suco verde e se fico sem alguns dias seguidos sinto falta, o corpo pede pelos nutrientes deles.

Tome por 7 dias seguidos e repare no seu corpo, veja se sente algo diferente… rsrs Suco verde é tudo de bom!

IMG2574

 

O site do 30tododia já está recheado com receitas de suco verde, mas não custa deixar duas receitinhas para você dar esse ponta pé inicial, vamos lá?

 

 

Suco verde diurético:

  • 1 folha de couve mineira
  • 1 fatia de abacaxi
  • 4 folhas de hortelã
  • meio pepino sem casca
  • 2 talos de salsão
  • 150 ml de água de coco
  • Bate tudo no liquidificador, ao final espreme o suco de uma lima.

Suco verde acelera metabolismo:

  • Meia maça
  • Meia fatia de abacaxi
  • Uma lasca de gengibre
  • 5 folhas de hortelã
  • Suco de um limão
  • Chá verde natural (já resfriado)
  • Bate tudo no liquidificador e pronto!

Beijão e boa sorte! Não deixe de contar aqui sua experiência!

Siga no Instagram @intolerantes

Gostou, compartilhe nas suas redes sociais e leve saúde para a vida das pessoas.

A research paper is a common form of academic writing. Research papers require writers to locate information about a topic (that is, to conduct research), take a stand on that topic, and provide support (or evidence) for that position in an organized report.
The term research paper may also refer to a scholarly article that contains the results of original research or an evaluation of research conducted by others. Most scholarly articles must undergo a process of peer review before they can be accepted for publication in an academic journal.
Post AnteriorPróximo Artigo
A research paper is a common form of academic writing. Research papers require writers to locate information about a topic (that is, to conduct research), take a stand on that topic, and provide support (or evidence) for that position in an organized report. The term research paper may also refer to a scholarly article that contains the results of original research or an evaluation of research conducted by others. Most scholarly articles must undergo a process of peer review before they can be accepted for publication in an academic journal.