Aventura

Pense bem antes de “chutar o balde” na gestação

A gestação é muito “de fases”, mais que isso, é “de dias”; quero dizer que cada dia é um dia diferente…

Você  pode muito bem acordar super disposta em um dia e no dia seguinte, super cansada e, não tem a ver com o que você fez dia anterior, ou se dormiu bem ou não. Por transformações, hormônios, posição do bebê dentro de você, oxigenação do sangue, etc, simplesmente acorda de um jeito a cada dia, por isso que brincam que aturar mulher grávida não é moleza, rs.

E isso pode deixar a mulher mais sensível, carente, raivosa, temperamental, depressiva, alegre, cansada, esquecida, e por aí vai…

Eu, por exemplo, estou bem mais sensível, se falar mais alto comigo é capaz de eu chorar, fora o fato de eu chorar vendo comercial de criança carente, um cachorro morto na rua, e fico pedindo chamego pro meu marido o tempo todo, rs.

Cansaço:

É quase unânime, toda grávida fica mais cansada, porque seu metabolismo está trabalhando 2, 3x mais, por isso que é ideal descansar e comer com frequência, mas isso também não é desculpa para enfiar o pé na jaca todo dia.

“Ah, estou grávida mesmo, estou engordando mesmo, vou curtir esse momento, comer tudo o que eu quero que depois da gravidez eu recupero…”

Ok, confesso que já passou pela minha cabeça isso também, mas é um grande risco que se corre.

Pense no seu filho!

  • E os nutrientes e vitaminas todas que ele precisa?
  • Vão vir no pote de sorvete haagen-dasz?
  • Ou no pastel, coxinha, hambúrguer?

Não podemos ser tão egoístas e pensar só em nosso prazer momentâneo ali… é claro que de vez em quando vamos comer umas besteiras, mais do que em outras fases de nossas vidas, mas não o tempo todo!

A boa mãe.

Saber o que ingerir para nutrir bem o seu filho e querer que ele desenvolva da forma mais saudável possível. Então muitas verduras, hortaliças, frutas e grãos integrais; seu filho agradece!

Outra razão para maneirarmos nas guloseimas é que a gravidez é uma das fases na vida da mulher onde existe a duplicação das células adiposas, assim como na puberdade e também na menopausa.

A influência hormonal produz a duplicação das células de gordura, que podem se depositar, conforme a carga genética, no abdômen, culotes, coxas, flancos, etc. Esse acúmulo natural de gordura que o corpo faz durante a gestação tem a função de proteger o bebê, e também para a mãe ter energia para a amamentação, onde sabemos que a mulher tende a emagrecer pelo grande desgaste energético de produção de leite e tal. Depois de dar à luz, boa parte do peso vai embora junto com os líquidos que você acumulou durante os nove meses, ou seja, você acaba voltando ao seu peso original, e a amamentação ajuda muito nesse processo, mas ficam as sobras de gordura localizada e a flacidez. E ao contrário do inchaço e da retenção de líquidos, essa gordura não desaparece sozinha, é preciso muito exercício físico e dieta.

Ou seja, existem dois ótimos motivos para não “chutar o balde” na gestação.

Portanto mamães, comendo e descansando bem e se exercitando também! Quanto mais ativo seu estilo de vida durante a gestação, mais fácil vai ser encarar o parto, assim como a recuperação e a volta ao seu corpo ideal.

Eu sei como ficamos cansadas e as vezes com preguiça de fazer qualquer coisa, não quer fazer nada hoje, sem problemas, não faça, não se martirize por isso, mas amanhã se esforça pra fazer, tenta criar uma rotina, pelo menos 30 minutos de atividade todo dia, ou compensa no dia seguinte, você vai se sentir tão bem consigo mesma e orgulhosa de ser uma gestante ativa.

Sair para dar uma caminhada, fazer uma trilha!

Semana passada eu subi duas vezes a trilha da Pedra Bonita no RJ, super aconselho. A primeira foi mais pela caminhada e visual, já a segunda, chegando lá em cima, fiz um treino de manopla com o prof.  de boxe Alex Cardoso. Foi incrível! É uma trilha rápida de 20, 30 minutos de subida com um visual incrível lá de cima. Dá para ver toda zona sul, são conrado e barra da tijuca. Chegando no topo é uma paz deliciosa, ideal para dar uma meditada e entrar mais em sintonia com você mesma. No meu caso, com minha filha que tá chegando.

pedra

Estamos juntas! Força e disciplina!

Clique aqui e assista ao vídeo.

Aventureira nata e apresentadora dos programas “Trilhas e Travessias” no canal OFF e “Sem Destino” no Multishow.
Neste espaço eu divido todas minhas experiências de viagens, aventuras e meu dia-a-dia com você.
Post AnteriorPróximo Artigo
Aventureira nata e apresentadora dos programas "Trilhas e Travessias" no canal OFF e "Sem Destino" no Multishow. Neste espaço eu divido todas minhas experiências de viagens, aventuras e meu dia-a-dia com você.