Dicas

Dicas para começar a correr

Dicas para correr

Especial para você que está começando

Não é de hoje que há um aumento crescente entre os praticantes de atividade física, principalmente no Rio de Janeiro onde a natureza e o clima da cidade permitem muitas atividades outdoor.

Uma das atividades mais almejadas é a corrida, sendo que se faz necessário algumas recomendações para se iniciar um plano e ingressar nas aulas de corrida. Vamos a elas:

  • O primeiro passo de todos é saber se está apto a prática de atividades físicas. Importante buscar um médico cardiologista e fazer os principais exames para atestar que a saúde está em dia.
  • Em caso de ausência total de histórico de atividades físicas em geral ou de corrida simplesmente, o melhor local para começar a praticar seria na academia, pois há um controle maior das variantes como: temperatura ambiente, pela climatização, integração com outras atividades para evitar possíveis lesões e absorção de impacto, gerada pela esteira. Porém, que fique claro, não é desaconselhável começar a correr por outros meios. Somente, o controle maior das variantes proporcionará maior segurança. O Fundamental é ter boa avaliação e orientação por profissionais capacitados.
  • Buscar roupas leves, arejadas e confortáveis. Específicas para a prática de atividades físicas. Mesmo com todo o mercado que há em cima destas vestimentas a busca pelo conforto e leveza é que são fundamentais.
  • A escolha do calçado também pode ser polêmica, porém tome como base tênis específicos de corridas, amortecimento adequado e conforto, assim como para a escolha das roupas. Não necessariamente há a obrigatoriedade da utilização de calçados específicos para um tipo de pisada. Somente os utilize caso tenham uma avaliação adequada do seu tipo de pisada e recomendação de utilização por um profissional.
@paivamarcello
@paivamarcello
  • Comece suas atividades com estímulos intervalados, alternando corrida e caminhada.
  • Fique atento a intensidade dos estímulos de corrida. Em uma escala de 1 à 10, procure não atingir 9 ou 10, pelo menos nesse início, que corresponderia a uma intensidade muito forte pra você.
  • Busque ter consciência de sua postura no processo de corrida. Tente evitar compensações.
  • Procure utilizar o processo básico e seguro de pisada: iniciando pelo calcanhar (onde há um nível maior de amortecimento dos calçados), incluindo o terço médio do pé e finalizando com o terço anterior (dedos), onde você terá o processo de impulsão e maior troca de força com o solo (principalmente por parte do hálux, no caso o primeiro dedo).
  • Observe o ritmo de sua corrida. Utilize o som do contato do seu pé com a esteira para saber se suas passadas estão ritmadas.

Mesmo tendo por base todas essas dicas é de fundamental importância a avaliação, orientação e acompanhamento de um profissional qualificado.

Dúvidas deixe seu comentário aqui para o colunista Professor Antônio Caputo Instagram @antonio_caputo86

Coordenador academia Proforma  Instagram @proforma.oficial         www.proforma.com.br 

 

Marcello Paiva
Idealizador do portal @30tododia
Professor de Educação Física – UFRJ
Pós graduação em Fisiologia do Exercício e Programação Neurolinguística.
Coaching deTreinamento / Palestrante Motivacional

Email: marcellopaiva@30tododia.com.br

Post AnteriorPróximo Artigo
Marcello Paiva
Idealizador do portal @30tododia Professor de Educação Física - UFRJ Pós graduação em Fisiologia do Exercício e Programação Neurolinguística. Coaching deTreinamento / Palestrante Motivacional Email: marcellopaiva@30tododia.com.br